quarta-feira, 7 de maio de 2014

Getúlio



Getúlio
Brasil, 2014
Copacabana Filmes - Gênero: drama

Direção: João Jardim

Elenco
Tony Ramos ... Getúlio Vargas
Drica Moraes ... Alzira Vargas
Alexandre Borges ... Carlos Lacerda
Marcelo Médici ... Lutero Vargas
Thiago Justino ... Gregório Fortunato
Adriano Garib ... General Genóbio da Costa
Fernando Luís ... Benjamim Vargas
Clarisse Abujamra ... Clarisse Vargas
Leonardo Medeiros ... General Caiado
Daniel Dantas ... Deputado da Oposição
Luciano Chirolli ... General Tavares
Ac Costa ... Alcino
Gillray Coutinho ... Almirante Reinaldo Guilhobel
Paulo Giardini ... Brigadeiro Eduardo Gomes
Murilo Grossi ... Major Fitipaldi
Paulo Japyassu ... João Valente
Juan Martyn ... Climério
Sílvio Matos ... General Carneiro de Menezes
Alvaro Diniz ... Taxista Nelson
Murilo Elbas ... Mordomo João Zaratimi
Caco Baresi ... Investigador
Isaac Bernat ... Novo Ministro Aeronautica
José Raposo ... Nero Moura
Cláudio Tovar ... Deputado do Governo

Sinopse
Agosto de 1954. O jornalista de oposição e dono de jornal Carlos Lacerda, sofre um atentado a bala na porta da sua casa em Copacabana. O pistoleiro erra o tiro e mata o Major da Aeronáutica Rubens Vaz que fazia a segurança de Lacerda. O presidente da República, Getúlio Vargas, é acusado de mandar matar o maior inimigo político do seu governo. Getúlio passa a ser pressionado por lideranças militares e pela oposição para renunciar ao mandato. As investigações mostram que a ordem para o atentado saiu de dentro do Palácio do Catete. O tenente Gregório Fortunado, chefe da guarda pessoal do presidente e seu homem de confiança há anos, é acusado. Ao lado da filha, Alzira Vargas, seu braço direito na presidência, e colaboradores fiéis como Tancredo Neves e o general Zenóbio da Costa, Getúlio tenta se manter no poder e provar sua inocência. Diante das ameaças que pedem a deposição imediata do presidente, Getúlio comete um ato extremo.

Duração: 100 min. Classificação indicativa: 14 anos.
Estreia1º de maio de 2014







Facebook oficial: https://www.facebook.com/getuliofilme

Website oficial: http://www.getuliofilme.com.br/



Comentário do editor:
«««
Jardim parece ter feito o filme para telas pequenas, bem pequenas. Ele faz questão de alternar closes com supercloses e, quando faz um plano mais aberto, coloca uma moldura em primeiro plano. A "técinica" incomoda muito para quem assiste no cinema. Dá para supor que trata-se de economia de cenários, uma vez que fazer externas de época requer grandes recursos de produção e pós-produção, mas não precisava ser tão claustrofóbico. A escolha de Tony Ramos para o papel central é um equívoco, primeiro por não ter semelhança física com o personagem, segundo por ser uma ator tão conhecido. Mas, vá lá, que fosse necessário um global para estrelar, então o diretor deveria apostar mais na caricatura de Getúlio, trabalhar seu sotaque e postura com mais cuidado. É impossível não enxergar o ator antes do retratado. Salvam-se Drica Moraes e outros atores muito parecidos com os personagens reais, como Adriano Garib. 
A escolha de centrar a trama apenas a partir do atentado da rua Tonelero foi correta. Suficiente para traçar o panorama de um dos momentos mais críticos de nossa história, mas falta um pouco de amarração ao roteiro, para torná-lo mais envolvente. Alguns personagens entram e saem sem qualquer influência na narrativa. 
Dito isso, é bem vindo o esforço em trazer um pouco da nossa história às novas gerações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário